As principais chuvas de meteoros visíveis do hemisfério sul!

 

 

Chuvas de meteoros em Maio

 

Em 5 de maio ocorre a máxima atividade da chuva de meteoros Eta-Aquarídea ou Eta-Aquárida. O período de observação iniciou-se em 19 de abril e prolonga-se até 28 de maio. É uma das melhores chuvas para ser observada do hemisfério sul pois apresenta elevada taxa de meteoros e o radiante (região do céu de onde parecerão provir os meteoros) encontra-se em posição favorável à observação. O radiante eleva-se a leste por volta das 2h 30min; sua posição é mais adequada para a observação às 4h. As partículas que geram essa chuva formam um enorme cinturão e são provenientes do núcleo do cometa 1P/Halley, abandonadas ao longo de sua órbita e imediações em cada aparição do famoso cometa. É uma ótima oportunidade para observarmos essa “poeira” do 1P/Halley. Em 5 de maio, espera-se uma taxa de 35 meteoros por hora. Os eta-aquarídeos são descritos como meteoros longos, predominantemente amarelos e estima-se que 25% deles apresentem rastros persistentes. As observações mostram que a partir de 6 de maio surgem meteoros brilhantes e em torno de 9 de maio, alguns muito brilhantes, sendo esperados, nesta data e até o dia 11 de maio, fireballs e eventuais bólidos vistos no final da madrugada.

 

Ao longo da segunda quinzena manifestam-se vários radiantes meteóricos localizados nas constelações de Sagittarius (o Sagitário), Scorpius (o Escorpião) e Corona Australis (a Coroa Austral), todos próximos entre si e com atividades máximas em maio. Os radiantes surgem a leste por volta das 23h 30min e fornecem, em conjunto, uma taxa horária de cerca de 15 meteoros. São eles: radiante dos beta-corona-australídeos (máximo no dia 18), eta-ophiuchídeos (máximo no dia 18), omega-scorpídeos (máximo no dia 20), alpha-scorpídeos (máximo no dia 23), lambda-scorpídeos (máximo no dia 24) e sagittarídeos (máximo no dia 27).

 

resumo extraído de  "Chuvas de Meteoros - Guia Prático de Observação"

de autoria de Paulo G. Varella e Regina A. Atulim

 

 

 

voltar